segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Sinto uma falta absurda de você. Ficou um vazio que ninguém (pre)enche. E penso e repenso e trepenso em você por aí. (Caio Fernando Abreu. Carta a Sérgio Keuchgerian)


"Nada grave.... 
cabeça ruim. Sem rumo, sem motivo..."

- C.F.A, carta a Luiz Arthur Nunes.

2 comentários:

  1. Nada grave, é apenas saudade, daquele tipo que não passa.

    ResponderExcluir
  2. Sinto essa mesma saudade é horrivel!

    Bej
    http://minhaformadeexpressao.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir